Beach Park “lamenta” acidente que matou jornalista

Jornalista e radialista em São Paulo, Ricardo Hill estava com a família em Fortaleza para curtir férias. Ele morreu ao cair de brinquedo recém-inaugurado. Para divulgar a nova atração, direção do Beach Park tinha contratado Whindersson Nunes como garoto-propaganda

O que era para ser um dia de comemoração, divulgação nas editorias de entretenimento e repercussão positiva nas mídias digitais acabou em tragédia para o Beach Park. O parque aquático de Fortaleza inaugurou uma atração no último fim de semana. A apresentação do brinquedo chamado de “Vainkará” contou com coletiva de imprensa e, nas redes sociais, teve ações específicas com influenciadores, como o youtuber Whindersson Nunes. Todo o trabalho, porém, se perdeu com a morte do jornalista Ricardo Hill, que caiu do brinquedo. Com traumatismo craniano, ele chegou a ser atendido, mas não resistiu.

Apresentador da Nova Brasil FM, emissora do dial de São Paulo, Ricardo Hill, de 43 anos, estava no Ceará para aproveitar as férias com a família. Reportagem do G1, um dos primeiros sites a noticiar a morte do radialista, informa que outras três pessoas se feriram na nova atração do parque. O “Vainkará” trata-se de toboágua em que as pessoas descem sentados em uma boia – no caso, o equipamento virou e Ricardo Hill bateu a cabeça na estrutura. Ouvidas pela equipe do site de notícias da Globo, pessoas envolvidas no acidente que vitimou fatalmente o jornalista criticaram a organização do Beach Park. As reclamações foram relacionadas à demora no atendimento.

vainkara - brinquedo do beach park - morte do jornalista ricardo hill
Recém-inaugurado, “Vainkará” ficará desativado por tempo indeterminado (Imagem: divulgação/Beack Park)

Ação com influenciadores

Para promover o “Vainkará”, a direção do Beach Park contratou influenciadores digitais como garotos-propaganda. Larissa Manoela e Whindersson Nunes estiveram entre as personalidades parceiras na promoção da nova atração. Com a morte de Ricardo Hill, a dupla de digital influencers rapidamente apagou as fotos tiradas no brinquedo do parque aquático. As imagens de Whindersson Nunes divulgando o toboágua demoraram, porém, para serem retiradas das contas administradas pelo Beach Park nas redes sociais. Até o começo da noite de segunda, GIFs com o youtuber eram destaques na fan page da empresa. Agora, os materiais foram devidamente excluídos.

Comoção de colegas da mídia

Locutor e produtor da Nova Brasil FM, Ricardo Hill tinha passagens por emissoras de rádio da cidade de São Paulo e do interior paulista. Em matéria para o site TudoRádio, Carlos Massaro relembra que o comunicador trabalhou na Metropolitana, Jovem Pan FM, Transamérica, Rádio Cidade e Band FM de Sorocaba (SP). A morte do jornalista comeveu colegas de profissão. Pelas redes sociais, profissionais elogiaram a postura que Ricardo Hill tinha no ambiente de trabalho. No Facebook, a Nova Brasil FM fez questão de registrar que estava em luto. “O locutor Ricardo José Hilário Silva, o nosso Zé Ricardo, faleceu”, publicou a emissora na página que mantém no Facebook.

Nota oficial do parque

Horas depois da morte do radialista, o Beach Park removeu – ao menos do Facebook – os vídeos e as fotos divulgadas para promoção do “Vainkará”. Na noite de segunda, 17, o parque divulgou nota oficial no site e nas redes sociais. Sem citar o nome de Ricardo Hill em nenhum momento, a direção da empresa define o caso como um “acidente” e informa que “lamenta profundamente” o ocorrido. Também sem destacar que o episódio será investigado pela Polícia Civil do Ceará e que o local precisará ser devidamente periciado, o parque anunciou que o brinquedo recém-inaugurado (e que segundo o G1, consumiu R$ 15 milhões de investimentos) ficará interditado por tempo indeterminado. Diferentemente das afirmações de quem se machucou na atração, o Beach Park garante que o atendimento foi feito de “forma imediata”.

NOTA DE PESAR E ESCLARECIMENTO

O Beach Park Entretenimento confirma que foi registrado um acidente em uma das atrações do parque aquático na tarde desta segunda-feira, 16 de julho. A equipe de segurança aquática realizou o atendimento de forma imediata, mas infelizmente o visitante foi a óbito. O Beach Park lamenta profundamente o ocorrido e está dando todo o apoio, suporte e atenção para a família. Após o acidente, o parque encerrou as atividades da atração, que só voltará a abrir após a apuração pericial que será realizada pelas autoridades competentes na investigação das causas do acidente. Em respeito a família, o parque não funcionará no dia 17 de julho.

O Beach Park reforça seu compromisso prioritário com a segurança e a integridade de seus visitantes e por isso realiza treinamentos com a equipe de segurança e de primeiros socorros diariamente.

A Diretoria.

Facebook Comments

Lile Corrêa

Jornalista, Radialista e Recordista Bi-Mundial incluso no Guinness Book