Com foco em mulheres e jornalistas, Facebook anuncia medidas para prevenir o assédio

Por meio de comunicado escrito pela diretora global de segurança, Antigone Davis, Facebook anuncia medidas que vão ajudar a prevenir o assédio

Grupos que sofrem assédio de forma desproporcional, como mulheres e jornalistas, terão suporte do Facebook, que lança nesta terça-feira, 19, ferramentas para prevenir esse tipo de violência. O anúncio foi feito por meio de texto da diretora global de segurança, Antigone Davis, que afirmou que a rede social está comprometida em criar uma comunidade segura.

Para traçar a estratégia de prevenção ao assédio, o Facebook ouviu relatos de diversos usuários. Uma das principais reclamações tem relação com contatos indesejados. Os internautas contaram que agressores bloqueados voltaram a enviar mensagens usando contas diferentes. Para resolver este problema, a rede social de Mark Zuckerberg reforça o recurso existente que evitam contas inautênticas. “Esses recursos automatizados nos ajudam a desativar contas mais rapidamente e a bloquear milhões de contas falsas antes mesmo que consigam se registrar. Entretanto, uma nova conta criada por alguém que já tenha sido bloqueado pode não ser pega por essas ferramentas”, explica a diretora.

Facebook Comments

Lile Corrêa

Jornalista, Radialista e Recordista Bi-Mundial incluso no Guinness Book