Facebook: 200 trabalham contra terrorismo

Marck Zuckerberg presta esclarecimentos, pelo segundo dia, no congresso americano Foto: G1

Matrk Zuckerberg, criador do Facebook, Messenger, Instagran e WhatsApp, depôs por cinco horas no Congresso americano, em Washington sobre o vazamento de dados pessoais de 87 milhões de usuários pela empresa de marketing Cambridge Analytica, inclusive os dele.. Entre os usuários hackeados estão 443 mil brasileiros.

Zuckerberg negou que a rede social tenha se tornado uma plataforma comercial ou de pressão de eleitores e frisou considerar o Facebook uma empresa de tecnologia. Respondendo à uma pergunta sobre como o negócio de publicidade da empresa funciona, Zuckerberg disse que “nós (Facebook)não vendemos dados”.

Zuckerberg disse que o Facebook vai processar a empresa Cambrigde Analytica e Alexander Kogan, criador do teste usado para coletar, repassar e vender informações dos usuários da rede social .

Fonte: G1

Facebook Comments

Lile Corrêa

Jornalista, Radialista e Recordista Bi-Mundial incluso no Guinness Book