Clube de Imprensa

04 de Março – Dia Mundial da Obesidade, Dia Internacional da Conscientização sobre o HPV, Dia do Soldadinho e Dia de São Casimiro

A Organização Mundial da Saúde (OMS) instituiu 4 de Março como o Dia Mundial da Obesidade com o objetivo de disseminar conhecimentos sobre a doença. Além disso, a celebração também é uma maneira de combater o estigma social a respeito do problema. A data foi alterada do dia 11 de outubro para 4 de março visando sincronizar o evento com a Semana de Cuidados com a Obesidade, que acontece do dia 1 ao dia 7 de Março.
Com o objetivo de chamar a atenção para o papel da engenharia na vida moderna, essencial na mitigação do impacto das alterações climáticas e na aceleração do desenvolvimento sustentável, especialmente em África e nos Pequenos Estados Insulares em Desenvolvimento, o Dia Mundial da Engenharia para o Desenvolvimento Sustentável, foi proclamado durante a 40ª sessão da Conferência Geral da UNESCO, em novembro de 2019 (40 C/64) e celebra-se, anualmente, a 4 de março.

Dia 4 de março é o Dia Internacional de Conscientização sobre o Papilomavírus Humano e este tipo de ação será realizada em diversos países nesta data.

A campanha tem o intuito de levar à população, de forma dinâmica, informações de extrema importância sobre o HPV, uma vez que a infecção por este tipo viral está associada ao desenvolvimento de diversos tipos de cânceres, como colo uterino, vagina, vulva, ânus, pênis, boca e garganta. Vale citar que quase a totalidade dos cânceres de colo uterino são positivos para este vírus.

Miniaturas de figuras humanas já foram encontradas nos túmulos de Faraós, na China (há 5.000 anos aproximadamente) e na Grécia antiga, produzidas em barro, madeirapedra.

A partir do século XVI surgiram as primeiras figuras em chumbo. E no século XVIII, na Inglaterra, a Empresa Newton começou a comercializar figuras militares em chumbo que representavam o Exército Britânico e o Francês.

Até o início do século XX as figuras eram produzidas apenas em chumbo, mas por volta de 1910 surgiu um material batizado de “composto” que era uma mistura de serragem de madeira e cola que se tornou muito popular. Porém as figuras eram muito rústicas e com poucos detalhes.

Após a Segunda Guerra Mundial alguns fabricantes optaram pelo plástico. Um material mais barato que estava se popularizando na época. Vários fabricantes surgiram e as figuras passaram a ser vendidas em separado ou em conjuntos por preços muito convidativos. Com o plástico as figuras passaram a apresentar uma maior riqueza de detalhes, muito superior às figuras em chumbo.

Na década de 1960, devido ao perigo de intoxicação do chumbo, o chumbo foi proibido internacionalmente para a fabricação de brinquedos. Empresas como a William Britain, o mais antigo fabricante de miniaturas em metal (suas atividades se iniciaram em 1846), Timpo, Crescent e Cherilea passaram a fabricar suas miniaturas em plástico.

São Casimiro, que não caiu nas seduções do luxo e do poder

Origens
São Casimiro nasceu em 1458. Era o terceiro filho de Casimiro IV, o rei da Polônia e grão-duque da Lituânia, e sua esposa Isabel de Áustria. Na infância, teve como instrutor João Dugloss, bispo de Lemberg. Apresentou imediatamente boa aptidão para o estudo e disciplina, foram sobretudo as lições espirituais que ele aproveitou.

Insigne no zelo pela fé
Desde muito cedo, deu a impressão de pretender seguir o caminho da santidade, manifestando-se indiferente às honras e prazeres, vigiando os sentidos, chorando ao meditar nos sofrimentos do Senhor e encontrando toda a sua felicidade na oração. Graças a servo discreto, foi-lhe possível, sem despertar atenções, pôr em prática as suas penitências.

A Renúncia
O Rei Casimiro IV colocou a Boêmia sobre o domínio e o reinado de seu primogênito.  Para o terceiro filho, São Casimiro, resolveu dar o trono da Hungria, mas renunciou à coroa da Hungria porque o Papa era contrário.

São Casimiro: sempre fiel aos propósitos de Deus

A Recusa
De 1479 a 1483 teve de governar a Polônia, na ausência do pai. Tentaram nessa altura levá-lo a desposar a filha de Frederico III de Augsburg, cujo objetivo era expandir os confins do reino, mas, São Casemiro, recusou o pedido de casamento.

Páscoa
São Casimiro, no dia 4 de março de 1484, aos 25 anos, vítima da tuberculose, na cidade de Grodno, perto de Vilna, na Lituânia, hoje na Bielorrússia, descansou piedosamente no Senhor, não caindo nas tentações do luxo e do poder. Foi canonizado, em 1522, e declarado patrono da Polônia em 1602.

O Legado
São Casimiro foi um príncipe insigne no zelo pela fé, na castidade e na penitência, na benignidade para com os pobres e na piedosa veneração da Sagrada Eucaristia e da bem-aventurada Virgem Maria.

Minha oração
“São Casimiro, te rogamos a mesma caridade para com os mais necessitados, assim como a nobreza de coração, para não perder a oportunidade de fazer o bem a todos. Que o Senhor nos cumule da virtude do desapego e caridade. Amém.”

São Casimiro, rogai por nós!

Outros santos e beatos celebrados em 4 de março 

  • Em Nicomédia, na Bitínia, hoje Izmit, na Turquia, os santos FócioArquelauQuirino e outros dezassete mártires.(† s. III/IV)
  • Em Tréveris, na Renânia da Austrásia, hoje na Alemanha, São Basino, bispo. († 705)
  • Em Comáquio, na Emília-Romanha, região da Itália, Santo Apiano, monge. († s. VIII)
  • No mosteiro de Cava de’ Tirréni, na Campânia, também região da Itália, São Pedro, bispo de Policastro. († 1123)
  • Em Chambéry, na Savóia, hoje na França, o Beato Humberto, terceiro conde da Sabóia. († 1188)
  • Em Londres, na Inglaterra, os beatos Cristóvão Bales, presbítero, Alexandre Blake e Nicolau Horner, mártires. († 1590)
  • Em Vannes, na Bretanha, região da França, a Beata Maria Luísa (Isabel de Lamoignon Molé de Champlatreux), viúva, mãe de S. Luís e fundadora das Irmãs da Caridade de São Luís. († 1825)
  • No cenóbio de Saint-Sauveur-le-Vicomte, na Normandia, região da França, a Beata Plácida (Eulália Viel), virgem. († 1877)
  • Em Vicenza, na Itália, São João António Farina, bispo, que fundou o Instituto das Irmãs Mestras de Santa Doroteia Filhas dos Sagrados Corações. († 1888)
  • Em Wroclaw, na Polónia, o Beato Roberto Spiske, presbítero diocesano, fundador da Congregação das Irmãs de Santa Edviges. († 1888)
  • Em Berezwecz, perto de Glebokie, cidade da Polónia, os beatos Miecislau BohatkiewiczLadislau Mackowiak e Estanislau Pyrtek, presbíteros e mártires. († 1942)
  • Em Kistarcsa, próximo de Budapeste, na Hungria, o Beato Zoltan Lajos Meszlényi, bispo de Esztergom-Budapeste e mártir. († 1951)

Fonte:

  • Livro “Santos de cada dia” – José Leite, SJ [Editorial A.O. Braga, 2003]
  • Martirológio Romano
  • Vaticannews.va
  • Vatican.va

– Produção e edição: Melody de Paulo
– Oração: Rafael Vitto – Comunidade Canção Nova

Pular para o conteúdo