Clube de Imprensa

12 de Junho – Dia dos Namorados, Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, Dia de São Gaspar e Beato Francisco Kesy

O Dia dos Namorados é comemorado em 12 de junho no Brasil, data em que os casais aproveitam para celebrar sua união e agradecer o companheirismo e a dedicação entre ambos durante o ano todo.

Muitos países comemoram o Dia dos Namorados no dia 14 de fevereiro, Dia de São Valentim. No Brasil, a comemoração foi adaptada para tentar ajudar o comércio em São Paulo no mês de junho, pois neste mês o desempenho do comércio era fraco.

Origem do Dia dos Namorados no Brasil

O responsável pela criação do Dia dos Namorados no Brasil foi o publicitário João Dória. Numa viagem que fez ao exterior, ele conheceu o Valentine’s Day (em português, Dia de São Valentim), que é comemorado no dia 14 de fevereiro.

Aproveitando a fama de Santo Antônio, santo português conhecido como santo casamenteiro e protetor dos noivos. João Dória sugeriu que o Dia dos Namorados fosse comemorado no 12 de junho, véspera do Dia de Santo Antônio.

Na cultura popular, há pessoas que acreditam que algumas simpatias com Santo Antônio podem ajudá-las a encontrar um namorado. Geralmente, elas são feitas na madrugada do dia 12 para o dia 13 de junho:

  1. Retirar o Menino Jesus que o santo carrega e prometer devolvê-lo apenas depois que encontrar um namorado.
  2. Colocar a imagem de Santo Antônio de cabeça para baixo e prometer mudá-la de posição somente quando o santo arranjar um namorado.

Em Lisboa, é tradição celebrar um casamento coletivo no dia 13 de junho, na própria Igreja onde Santo Antônio nasceu.

Dia do Correio Aéreo Nacional e o Dia da Aviação de Transporte celebram-se anualmente dia 12 de junho no Brasil.

Esta data recorda o primeiro voo realizado pelo tenentes do Exército Casemiro Montenegro Filho e Nelson Freire Lavanere-Wanderley.

A aeronave partiu de São Paulo para o Rio de Janeiro levando uma mala postal com duas cartas e a viagem durou cinco horas. Já o retorno foi mais rápido e teve a duração de três horas e meia. Assim estava inaugurado o serviço de postal aéreo entre as duas cidades.

Os pilotos conduziram um modelo Curtiss Fledgling, com a matrícula K263, que ainda pode ser visto nos Campos Afonsos, no Rio de Janeiro.

Correio Aéreo Postal

Com a criação do Ministério da Aeronáutica, em 1941, os serviços aéreos mantidos pelo Exército e a Marinha foram unidos em um só. Desta maneira, o Correio Aéreo Nacional (CAN) passou a funcionar sob a supervisão deste órgão.

Progressivamente, os voos se deslocaram para as regiões centro-oeste e norte do Brasil, onde só é possível alcançar muitas localidades graças aos aviões.

O CAN teve um papel primordial para a construção da nova capital do país, Brasília, localizada a 1.200 quilômetros do Rio. Na falta de estradas e hidrovias foram os aviões do CAN que levaram as milhares de toneladas de material de construção, máquinas pesadas, trabalhadores e os incontáveis passageiros do governo.

Atualmente, 15 unidades aéreas atuam em vários pontos do território nacional e também já participaram de missões internacionais em países como o Haiti, Suriname, Equador e Líbano.

Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil (World Day Against Child Labour) é celebrado anualmente em 12 de junho.

O principal objetivo da data é alertar a comunidade em geral e os diferentes núcleos do governo sobre a realidade do trabalho infantil, uma prática que se mantém corriqueira em diversas regiões do Brasil e do mundo.

Esta data foi criada por iniciativa da Organização Internacional do Trabalho, uma agência vinculada à Organização das Nações Unidas (ONU), em 2002.

trabalho infantil

Centenas de milhões de crianças estão nesse exato momento trabalhando, e não estão usufruindo de seus direitos à educação, saúde e lazer. No Dia Mundial contra o Trabalho Infantil se relembra que esses direitos estão sendo negligenciados em muitos países.

A principal arma contra o trabalho infantil é a intensa sensibilização civil contra a exploração das crianças e adolescentes, que constitui uma grave violação aos direitos humanos fundamentais.

De acordo com dados da UNICEF, estima-se que aproximadamente 168 milhões de crianças sejam vítimas de trabalho infantil em todo o mundo. Segundo a Organização Internacional do Trabalho, cerca de 20 em cada 100 crianças começam a trabalhar a partir dos 15 anos.

No Brasil, por exemplo, diversas campanhas e programas que visam erradicar o trabalho infantil são divulgados nesta data, seja através do Ministério do Trabalho ou de outros órgãos da sociedade civil.

Calcula-se que três milhões de crianças trabalhem nas mais diversas atividades como venda de produto em semáforos, serviços domésticos e no campo. Dados do IBGE de 2015 revelam que 80 mil crianças de 5 a 9 anos trabalhavam no país; um dado alarmante.

Dia de São Gaspar de Búfalo é celebrado em 12 de junho. No entanto, existem alguns calendários litúrgicos que celebram em 28 de dezembro, data da sua morte.

Conhecido como “o anjo da paz”, esta data é uma homenagem ao trabalho eucarístico e apostólico de São Gaspar de Búfalo.

Este sacerdote é descrito como um “terremoto espiritual”, um homem pacífico e muito caridoso, sendo estas as principais características que marcavam as suas pregações pela Itália.

São Gaspar de Bufalo

Biografia

Gaspar de Búfalo nasceu em 1786, em Roma, e desde cedo sentiu-se atraído para a vida religiosa. Os tempos, contudo, eram tumultuosos, com a Revolução Francesa e a posterior invasão de Napoleão Bonaparte aos Estados Pontifícios.

Naquele momento, os padres deveriam fazer um juramento de fidelidade ao imperador e quem não o fizesse seria preso e exilado. Quando chegou a hora de Gaspar de Búfulo, ele recusou com essas palavras: “Não devo, não posso, não quero”. A recusa lhe valeu a prisão e ele só voltaria a Roma em 1815, após a derrota de Bonaparte.

Na “Cidade Eterna” atuava como um pregador da palavra de Deus, e seu trabalho e modo como executava-o ajudou a diminuir o banditismo em Roma.

Também é de São Gaspar de Búfalo a fundação dos Missionários do Preciosíssimo Sangue de Jesus. 

O sacerdote faleceu em 1837, sendo canonizado pelo Papa Pio XII, em 12 de junho 1954. Aliás, a celebração do Dia de São Gaspar de Búfalo é uma homenagem à data da sua canonização.

Oração a São Gaspar de Búfalo

Ó S. Gaspar, tu amaste a Igreja perseguida e, para seres fiel a Deus, aceitaste a prisão e o exílio. Pedimos-te que intercedas pela Igreja de hoje e ajuda-nos a saber pregar e viver o Evangelho todos os dias da nossa vida. Aumenta o nosso amor ao Sangue de Jesus Cristo para estarmos também dispostos a arriscarmos as nossas vidas. 

Bendizemos e agradecemos ao Pai a tua obra, a fundação dos Missionários do Preciosíssimo Sangue e o exemplo que nos deixaste. Alcança-nos de Deus … (dizer a graça que se deseja receber) e fortalece a nossa união com Cristo e a Igreja para alcançarmos a salvação eterna. Amém.

Dia do Enxadrista 

Talvez você não saiba, mas dia 19 de Novembro é o dia mundial do Xadrez. O jogo, segundo historiadores é derivado do chaturanga, jogo de tabuleiro praticado na Índia, porém a origem possui controvérsias.

O xadrez como praticamos hoje, surgiu na Europa, durante o renascimento. A data, 19 de novembro é o aniversário de Jose Raúl Capablanca, cubano detentor do título mundial de xadrez entre 1921 e 1927.

O jogo é disputado num tabuleiro, com 16 peças de formatos e carcteristicas diferentes entre dois jogadores, o objetivo é dar o xeque-mate, lance que dá fim a partida, quando o rei está sendo atacado por uma ou mais peças e não pode permanecer e nem sair da sua casa.

O Brasil possui grandes atletas da modalidade, entre eles podemos destacar Rafael Leitão pentacampeão brasileiro, Gilberto Milos e Henrique Mecking, que em 1977 foi considerado o terceiro melhor xadrezista do mundo pelo ranking da FIDE (Federação Internacional de Xadrez).

Beato Francisco Kesy e quatro companheiros mártires

II Guerra Mundial 

Em 1 de setembro de 1939, Hitler invadiu a Polônia, iniciando a Segunda Guerra Mundial. A casa salesiana de Poznan, na rua Wroniecka, foi ocupada e transformada em um depósito de soldados alemães. Os jovens continuaram a se reunir nos jardins fora da cidade e nos bosques próximos. Numerosas associações secretas surgiram.

Prisão e martírio

Em setembro de 1940, Francesco Kesy e quatro jovens oratorianos foram presos sob acusação de pertencer a uma organização ilegal. Eles foram levados para a temível Fortaleza VII, perto de Poznan, onde foram torturados e interrogados. Mais tarde, foram transferidos para várias outras prisões, onde nem sempre tiveram a sorte de estar juntos. Regressados ​​a Poznan, foram julgados e acusados ​​de alta traição e sentenciados à morte. Eles foram martirizados em Dresden em 24 de agosto de 1942.

Espiritualidade Salesiana

Eles viviam em cativeiro com um espírito de fé e espiritualidade salesiana. Rezavam continuamente: rosário, novenas a Dom Bosco e a Maria Auxiliadora, oração de manhã e à noite. Eles tentaram manter contato com suas famílias por meio de mensagens que muitas vezes conseguiam enviar secretamente. Eles corajosamente pediram e garantiram orações. Sempre que podiam, animavam alegremente as festas litúrgicas passadas na cela. Sua fé nunca vacilou. Eles eram testemunhas confiáveis ​​para o fim.

Reconhecimento

O decreto do martírio foi publicado em 26 de março de 1999; beatificado em 12 de junho de 1999 por João Paulo II.

Kesy Franciszek

Francesco Kesy nasceu em Berlim em 13 de novembro de 1920. A família mudou-se para Poznan para o trabalho de seu pai. Francisco foi aspirante ao seminário menor dos salesianos no Lad. Durante a ocupação, incapaz de continuar seus estudos, ele trabalhou em uma planta industrial. Ele passou seu tempo livre no oratório, onde, em estreita amizade com os outros quatro, animava associações e atividades juvenis. Ele lembra que era sensível, mas ao mesmo tempo alegre, calmo, agradável e sempre disposto a ajudar os outros. Quase todos os dias, ele recebeu a comunhão; à noite, ele recitou o rosário. “Para Wronki, desde que eu estava sozinho na cela – ele escreve em mensagens para a família -, eu tive tempo de me examinar. Prometi viver de maneira diferente, como recomendou Dom Bosco, viver para agradar ao Senhor e a sua Mãe Maria Santíssima. […] eu oro ao bom Deus que todas estas tribulações e tristezas me toquem e não a você “.

Edoardo Klinik

Nascido em Bochum, em 21 de junho de 1919, tímido e quieto, ele se tornou mais animado quando entrou no oratório. Ele era um estudante sistemático, responsável. Distinguiu-se porque estava muito ocupado em todos os campos de atividade e dava a impressão de ser o mais sério e profundo.

Jarogniew Wojciechowski

Nascido em Poznan, 5 de novembro de 1922, ele era um meditativo, tende a aprofundar a visão das coisas para entender os acontecimentos. Ele era um animador no melhor sentido da palavra. Ele foi distinguido pelo bom humor, compromisso e testemunho.

Ceslao Józwiak

Nascido em Lazynie, em 7 de setembro de 1919, ele era um pouco irascível, mas espontâneo, cheio de energia, senhor de si mesmo, pronto para o sacrifício, coerente e positivamente autoritário. Ele se viu aspirando à perfeição cristã e progredindo nela. Um companheiro de prisão escreve: “Ele era bem-humorado e bondoso, tinha uma alma como um cristal … Ele me falou de uma preocupação: nunca borrar com qualquer impureza”.

Edoardo Kazmierski

Nascido em Poznan, em 1 de outubro de 1919, ele foi caracterizado pela sobriedade, prudência e bondade. No oratório, ele podia desenvolver qualidades musicais incomuns. A vida religiosa soprada na família e pelos salesianos logo o levou à maturidade cristã. Durante sua prisão, ele mostrou grande amor por companheiros ainda mais velhos. Ele estava livre de qualquer sentimento de ódio contra os perseguidores.

A minha oração

“Que o bom exemplo de fidelidade e fortaleza desses jovens salesianos nos inspirem a lutar contra o pecado e a vencer todas as tribulações desta vida com o Auxílio da sempre Virgem Maria nossa Mãe!”

Beatos e mártires salesianos, rogai por nós!

Outros santos e beatos celebrados em 12 de Junho:

  • São Basílides, mártir, em Lórium, antiga cidade da Etrúria, na Via Aurélia, a doze milhas de Roma. († data inc.)
  • Santo Onofre, anacoreta, no Egito. († 400)
  • São Leão III, em Roma, papa. († 816)
  • Santo Odolfo, presbítero, em Utrecht, hoje na Holanda. († c. 865)
  • Santo Esquilo, na Suécia, bispo e mártir, natural da Inglaterra, que foi ordenado bispo por São Sigfredo. († c. 1080)
  • Beato Guido, presbítero, em Cortona, hoje na Toscana, região da Itália. († c. 1245)
  • Beato Plácido, abade, nos Abruzos, também região da Itália. († 1248)
  • Beata Flórida (Lucrécia Helena Cévoli), em Città di Castello, na Úmbria, também região da Itália, a virgem da Ordem das Clarissas. († 1767)
  • São Gaspar Bertóni, em Verona, no Véneto, também região da Itália, presbítero, que fundou a Congregação das Santas Chagas de Cristo. († 1843)
  • Beato Lourenço Maria de São Francisco de Xavier (Lourenço Maria Sálvi), em Capránica, no território de Viterbo, próximo de Roma, o presbítero da Congregação da Paixão. († 1856)
  • Beata Mercedes Maria de Jesus (Mercedes Molina), em Riobamba, no Equador, virgem. († 1883)
  • Beata Maria Cândida da Eucaristia (Maria Barba), em Ragusa, na Sicília, província da Itália, virgem da Ordem das Carmelitas Descalças. († 1949)

Fontes:

  • vatican.va e vaticannews.va
  • Martirológio Romano – liturgia.pt
  • Liturgia das Horas
  • Livro “Relação dos Santos e Beatos da Igreja” – Prof Felipe Aquino [Cléofas 2007]
  • site Salesianos de Dom Bosco

– Pesquisa e redação: Rafael Vitto – Comunidade Canção Nova

– Produção e edição: Catarina Xavier – Comunidade Canção Nova