Clube de Imprensa

Avanços na saúde de Dourados são destaque no lançamento da 3ª etapa da construção do Hospital Regional

Ações foram lembradas durante assinatura de ordem de serviço para a construção da terceira e última etapa do Hospital Regional, que deve ser inaugurado no segundo semestre deste ano

Secretário participou da assinatura da ordem de serviço da terceira etapa da obra / Fotos: Marcos Adriano/Assecom

Na manhã desta sexta-feira (12/1) o secretário municipal de saúde, Waldno Lucena Júnior acompanhou o governador em exercício José Carlos Barbosa, o ‘Barbosinha’ na visita técnica às obras do Hospital Regional de Dourados, onde também houve a assinatura ordem de serviço de construção da terceira e última etapa do Hospital Regional de Dourados.

O secretário representou o prefeito Alan Guedes, que retorna de viagem também nesta sexta-feira. Ele destacou o impacto positivo que o Hospital Regional vai ter na saúde pública do município que atende outros 33 municípios da região, e os trabalhos que têm sido realizados ao longo dos últimos anos.

Secretário destacou os avanços conquistados nos últimos anos / Fotos: Marcos Adriano/Assecom

“Nós temos batalhando nesses três anos da gestão do prefeito Alan para recuperar a saúde pública de Dourados que há mais de 20 anos estava muito defasada. Estamos conseguindo recuperar e superar todas as dificuldades”, ressalta.

Entre os feitos, o secretário pontuou que o município conseguiu reverter o déficit de médicos e oferecer uma remuneração acima da média estadual para os profissionais. A renovação da frota de ambulâncias com a aquisição de dez novos veículos equipados para atender Dourados e os distritos, a maior aquisição de ambulâncias da história da cidade, além da atual conquista onde Dourados é a primeira cidade do Brasil a realizar a vacinação em massa contra a dengue.

“Nós avançamos muito nesses três últimos anos e vamos fazer ainda mais. Com a inauguração do Hospital Regional, vamos ter um grande avanço para toda a nossa população”, disse.

O hospital é formado por quatro diferentes obras de edificação, totalizando 14.324,10 m² de área construída. A ordem de serviço assinada nesta manhã libera um investimento de R$ 34.494.777,06 que será empregado no bloco D e o bloco do Centro de Diagnóstico e Especialidades Médicas, já em execução.

“Nós precisamos avançar contra o tempo, as pessoas não podem esperar mais porque esse hospital não é importante só para Dourados, mas os 33 municípios que são atendidos aqui. Estamos trabalhando para concluir essa etapa e realizar uma nova e ampliar os serviços que serão oferecidos”, afirma o governador em exercício, Barbosinha.

A secretária estadual adjunta de saúde, Christine Maymone, participou da assinatura e destacou a atenção da administração municipal com a saúde pública e a parceria com o governo do estado.

“A gente tem trabalhado em conjunto o secretário municipal de saúde, Waldno, e o prefeito Alan Guedes, para que a gente possa melhorar a saúde de Dourados e auxiliar que a cidade tenha o máximo de produtividade que ela tem capacidade de ter. Nós esperamos muito mais conquistas para Dourados, além dessa de hoje. Pretendemos abrir o hospital no segundo semestre deste ano e estamos trabalhando para isso”, finaliza.

Pular para o conteúdo