Bonito se prepara para receber turistas após mais de 2 meses fechada e prevê retorno gradativo

bonito
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram
Share on print
Share on whatsapp

Bonito se prepara para receber turistas após mais de 2 meses fechada e prevê retorno gradativo

Por Ricardo Freitas, G1 MS

Publicitária vira sereia em ensaio fotográfico em Bonito, MS — Foto: Marcio Cabral/ TV Morena

Publicitária vira sereia em ensaio fotográfico em Bonito, MS — Foto: Marcio Cabral/ TV Morena

O município de Bonito, um dos principais destinos turísticos de Mato Grosso do Sul, se prepara para voltar a receber turistas após mais de dois meses por conta da pandemia da covid-19. A última vez que o local teve visitantes foi no dia 24 de março, segundo a Secretaria de Turismo da cidade.

Um decreto da prefeitura publicado nesta quarta-feira (20) autoriza de forma facultativa que hotéis, pousadas, restaurantes, e que os mais de 40 atrativos turísticos, voltem a funcionar a partir de 1 de junho, desde que cumpram normas de biossegurança.

“Esses locais precisam nos entregar estudos técnicos com normas para que possamos liberar, eles precisam definir como vai ficar o compartilhamento de áreas comuns, como os restaurantes, é necessário distanciamento entre os clientes e check- in e check-out devem ser online, entre outras normas da vigilância sanitária. Só iremos reabrir quando tudo estiver ok, sem colocar a vida das pessoas em risco, disse Augusto Mariano, secretário de Turismo de Bonito.

Apesar da data estipula de reabertura ser 1º junho, a Secretaria de Turismo acredita que os comerciantes levarão um pouco mais de tempo para se readequarem as normas; também se leva em consideração que junho é um mês fraco para o turismo local.

” Já julho é um dos nossos melhores meses, a gente acredita que se até lá, a crise da covid diminuir, aí poderemos começar a receber os turistas com mais força”, afirmou o secretário.

De acordo com a prefeitura de Bonito, o Turismo no Município gera 7 mil empregos diretos e 2 mil indiretos. A média anual é de 240 mil visitantes que gastam R$ 340 milhões. A prefeitura não soube estimar o número de desempregados causados durante a pandemia.

A cidade tem 5 casos de covid-19, de acordo com último boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (SES), que apontou que foram confirmados nesta quarta-feira, 52 novos casos de covid-19 no estado, e com isso, o número total de registros chegou a 693. Outros 770 casos suspeitos estão em investigação. Mato Grosso do Sul tem 17 mortes por coronavírus.

Casal faz mergulhos nas águas cristalinas do rio Formoso, em Bonito (MS). — Foto: Iana Matos/Arquivo pessoal

Casal faz mergulhos nas águas cristalinas do rio Formoso, em Bonito (MS). — Foto: Iana Matos/Arquivo pessoal

Uma das esculturas mais conhecidas de Bonito, o peixe Piraputanga recebeu máscaras de “proteção contra o novo coronavírus”. Segundo a prefeitura, a ideia é conscientizar a população de uma forma mais criativa, sobre a importância da prevenção à doença.

Escultura "Piraputanga", em Bonito (MS), recebeu máscara nesta sexta-feira (15) — Foto: Prefeitura de Bonito/Divulgação

Escultura “Piraputanga”, em Bonito (MS), recebeu máscara nesta sexta-feira (15) — Foto: Prefeitura de Bonito/Divulgação