Repórter morre por excesso de trabalho, admite emissora

A emissora de TV pública do Japão “NHK” reconheceu, nesta quinta-feira (5/10), que a morte da jornalista Miwa Sado foi decorrente de excesso de trabalho. A repórter, que sofreu insuficiência cardíaca em julho de 2013, tinha 159 horas extras acumuladas e somente dois dias de folga registrados. Segundo o Jornal “Extra”, Miwa cobriu as corridas […]