Cerca de 100 judocas participam de exame de faixa em Ponta Porã

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on print

exame-de-faixa-dos-judocas-em-ponta-pora-1Os judocas foram avaliados de acordo com o Regulamento para Exame e Outorga de Faixa, elaborado pelo Conselho Nacional de Graduação da Confederação Brasileira de Judô.

Lile Corrêa*

No sábado (03/12) aconteceu o exame de faixas da Academia Acenor Nico Judô “foi uma grande festa, cerca de cem faixas para judocas de 6 anos até a categoria adulta”, salientou o professor Nicodemos Filgueiras Junior ao Jornal Che Fronteira.

Nico Junior mencionou à Rádio Líder FM 104,9 que “foi a cerimônia de faixas do segundo semestre, sendo que o atleta da modalidade olímpica judô passa de faixa uma vez por ano, os que não passaram no primeiro semestre puderam refazer o exame e conquistarem sua faixa nova, a faixa mostra a evolução do atleta começando pela faixa branca e vai escurecendo, até a faixa preta, esse escurecimento significa o aprendizado, a medida que a faixa vai ficando mais escura o conhecimento do judoca vai aumentando, ou seja os ensinamentos filosóficos e técnicos tendem a crescer e a formação do atleta tanto na parte física, como na cognitiva”.

O exame  de faixas aconteceu na Academia K3 com a participação de cem atletas “é uma alegria muito grande pois este ano foi muito profícuo de grandes conquistas, entre elas a convocação do atleta Alison Lima, e já no começo de 2017 vamos em busca da classificação do judoca pontaporanense na categoria sub 18 da Seleção Brasileira de Judô para disputar o Circuito Europeu de Judô”.

Os exames realizados em Ponta Porã na fronteira seca com Pedro Juan Caballero (Paraguai) segue rigorosamente o Regulamento para Exame e Outorga de Faixa, elaborado pelo Conselho Nacional de Graduação da Confederação Brasileira de Judô.

exame-de-faixa-dos-judocas-em-ponta-pora-2 exame-de-faixa-dos-judocas-em-ponta-pora-3 exame-de-faixa-dos-judocas-em-ponta-pora-4