Encontro apresenta novas formas de fazer jornalismo

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on print

foto-oitava-ediçãoAs oportunidades no novo mercado existem e boa parte delas passa por um modelo de trabalho que valoriza a colaboração e o compartilhamento. No Jornalismo, não poderia ser diferente. Sem barreiras, paredes ou fronteiras, as novas formas de fazer jornalístico estão, em sua grande maioria, no ambiente digital. Mas o jornalista está preparado para cooperar entre si e gerar novos negócios coletivos? Novas e recentes experiências, algumas já bem-sucedidas, dizem que sim. E é isso que o Projeto Reinventar JornalistasRJ quer mostrar em sua oitava edição, no próximo dia 18, no auditório da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), no Rio de Janeiro.

Sobre os projetos inovadores e seus criadores:

PROJETO #COLABORA: Agostinho Vieira é responsável pela criação e um dos vários colaboradores do projeto #Colabora. Ele tem uma trajetória voltada para cargos executivos. Foi editor-executivo e diretor executivo do Globo e do Extra, além de diretor de jornalismo do Sistema Globo de Rádio e diretor da Rádio CBN. Pós-graduado em Gestão de Negócios na França e em Gestão Ambiental pela Coppe/UFRJ, Vieira foi agraciado com o prêmio Esso de Jornalismo, em 1994, e dois prêmios da Society of Newspaper Design, em 1998 e 1999. Até o ano passado, era responsável pela coluna e pelo blog Economia Verde, publicados no jornal O Globo.

MULHERES 50+: Com 25 anos de jornalismo diário, Cristina Alves se uniu a mais seis jornalistas experientes – Angelina Nunes, Elvira Lobato, Raquel Almeida, Ana Lúcia Araújo, Cláudia Lima e Regina Eleutério – para a criação do blog que troca ideias e informações sobre a chegada à faixa etária dos 50 anos. O projeto colaborativo se desdobra na plataforma digital e também em encontros presenciais. Depois de passar pelas redações do Jornal do Commercio, Jornal do Brasil e O Globo, hoje ela é sócia da Nau Comunicação.

AGÊNCIA LUPA – Pioneira do blog Preto no Branco – que checava as declarações dos candidatos nas eleições –, do jornal O Globo, Cristina Tardáguila é a criadora da primeira agência de fact-checking do Brasil, chamada Lupa. O trabalho consiste em apresentar dados reais e factíveis, funcionando como um contraponto a informações errôneas apresentadas por alguns entrevistados. Para isso, conta com o apoio de mais três bem-sucedidos jornalistas para uma checagem robusta e consistente sobre diversos temas.

AGÊNCIA PÚBLICA – Natália Viana é diretora da Agência Pública de jornalismo investigativo do Brasil, escolhida para traduzir e publicar, em primeira mão, os documentos do WikiLeaks sobre o país. Juntamente com mais duas jornalistas, Mariana Amaral e Tatiana Merlino, ela tem como objetivo elevar a qualidade do que é produzido em termos de informação pública. A ex-repórter da revista Caros Amigos, fez um mestrado em radiojornalismo no Goldsmiths College, na Universidade de Londres, que lhe abriu o caminho para o jornalismo investigativo.

COOPERATIVA SOLIDÁRIA – Fotojornalista premiado, com vasta carreira no mercado do Rio de Janeiro, e 30 anos no Jornal O Dia, Paulo Araújo lidera um grupo de cerca de 35 profissionais, entre repórteres, fotojornalistas, web-designers, cartunistas, marketing e TI, que se uniu em um esforço conjunto para fundar uma cooperativa para prestar serviços de jornalismo. A maioria desses profissionais atuou na imprensa do Rio de Janeiro, em veículos como Jornal do Brasil, O Globo, O Dia, Extra, Jornal do Commercio, O Povo, Lance! e Chance, entre outros. Em breve, este coletivo lançará o Portal SolidáRio.

SERVIÇO: 8ª edição do Encontro do Reinventar JornalistasRJ–ABI
TEMA: Projetos colaborativos em jornalismo: o desafio de empreender juntos.
LOCAL: Auditório da Associação Brasileira de Imprensa (ABI)
ENDEREÇO: Rua Araújo Porto Alegre 71 – 7º andar – Centro – Rio de Janeiro
DATA: 18 de maio de 2016 (quarta-feira)
HORÁRIO: das 8h30 às 12h30

IMPORTANTE: É necessário confirmar presença no mural do evento no grupo JornalistasRJ e preencher o formulário. Somente cadastrados receberão confirmação da organização do evento por email.

INFORMAÇÕES: [email protected]
Contamos com a participação de todos vocês. Será uma honra recebê-los para apresentar casos de sucesso, discutir alternativas e ajudar a apontar caminhos muito além da redação.