Clube de Imprensa

Energisa promove mutirão de melhorias na rede elétrica em Mato Grosso do Sul

Com manutenções preventivas, troca de equipamentos e podas de árvores, trabalhos visam aprimorar a distribuição de energia nas cidades do estado

Desde fevereiro, equipes da Energisa Mato Grosso do Sul estão empenhadas em um mutirão de melhorias na rede elétrica em municípios sob a concessão da empresa. Com manutenções preventivas, substituição de equipamentos e podas de árvores, a iniciativa tem como objetivo aperfeiçoar o fornecimento de energia nas localidades.

De acordo com Weverton Couto Oliveira, gerente de Departamento de Construção e Manutenção da Energisa MS, faz parte do compromisso da distribuição realizar inspeções periódicas, manutenções preventivas e corretivas a fim de garantir a qualidade, continuidade e segurança na distribuição de energia para residências, comércios, indústrias e clientes rurais nas cidades onde a Energisa atende.

“Esses mutirões são um reforço ao nosso cronograma de manutenções, que realizamos em localidades específicas. É bem possível que a comunidade perceba uma mobilização maior de veículos e equipes da Energisa nesses dias, e é importante que saibam que toda essa movimentação é justamente porque estamos trabalhando para melhor atendê-los”, enfatiza.

Na lista de melhorias executadas estão inspeções em cabos, cruzetas (estruturas que fazem a sustentação dos cabos), isoladores, transformadores, entre outros equipamentos, e podas preventivas com o intuito de remover os galhos de árvores que estejam próximos à rede de energia elétrica.

“Como distribuidora de energia, nosso papel consiste em realizar apenas a desobstrução da rede elétrica, removendo aqueles galhos que estão perto dos fios, oferecendo riscos à rede elétrica, principalmente nas ocasiões de chuvas intensas e ventos fortes. Isso porque, em situações de eventos climáticos severos, esses galhos podem ser lançados contra a fiação, ocasionando curto-circuito, rompimento de cabos e interrupção do fornecimento de energia”, explica Weverton.

Linha Viva usada em alguns serviços

Graças à tecnologia, boa parte desses serviços tem sido feita com a rede ligada, ou seja, por meio do trabalho em “Linha Viva”, justamente para que o cliente não seja afetado com a interrupção no fornecimento de energia durante os serviços de manutenção.

Ações

As equipes estiveram em Antônio João, Bandeirantes, Bela Vista, Bonito, Camapuã, Coxim, Laguna Carapã, Maracaju, Naviraí, Ponta Porã, Rio Verde e Sonora. Até o final de março, percorrem regiões de Campo Grande, Caracol, Corumbá, Dourados, Nova Andradina e Paranaíba. Além das manutenções preventivas, podas de árvores, substituição de transformadores em sobrecarga, inspeção de redes com equipamento de termovisão e uso de drones, há também ações que refletem diretamente na preservação do meio ambiente, sustentabilidade e consumo consciente. Por meio da Unidade Móvel Educacional, a população tem acesso a palestras, ao cadastro na Tarifa Social de Energia Elétrica, à troca de lâmpadas incandescentes e/ou fluorescentes por lâmpadas LED e a sorteio de geladeiras de maior eficiência energética à base de troca (para clientes cadastrados como baixa renda).

Combate ao furto de energia

Dentro do cronograma do mutirão, técnicos da Energisa realizam inspeção de medidores para o combate ao furto de energia; sendo que algumas ações são realizadas com o apoio da Polícia Civil. Em 2023, a empresa identificou 7,1 mil irregularidades desse tipo de prática ilegal, o equivalente a 20,218 GWh de energia, que seria suficiente para abastecer aproximadamente 95 mil residências. Os furtos e fraudes de energia, além de crime, colocam em risco todos à sua volta, podendo provocar acidentes fatais; impacto na qualidade do fornecimento de energia elétrica e prejuízos aos demais clientes e para os cofres públicos.

Serviço:

Os consumidores podem entrar em contato com a concessionária pelos canais oficiais de atendimento:

site: energisa.com.br

whatsApp Gisa: (67) 99980-0698

aplicativo Energisa On

call center: 0800 722 7272