Inscrições abertas para o 5º curso sobre jornalismo e direitos humanos

Qual é a realidade das prisões no Brasil? Para que serve a ONU e a OEA? Como funciona nosso sistema de Justiça? Qual a relação entre empresas e os direitos humanos?

Estudantes universitários de jornalismo e de outras áreas do conhecimento interessados em compreender e cobrir estas e outras pautas podem se inscrever, até 5.ago.2018, no 5º Curso de Informação sobre Jornalismo e Direitos Humanos.

Promovido pela Conectas em parceria com a OBORÉ e IPFD (Instituto de Pesquisa, Formação e Difusão em Políticas Públicas e Sociais), com o apoio da Abraji, será realizado em São Paulo, entre setembro e novembro, e integra o Projeto Repórter do Futuro.

Os 20 alunos selecionados participarão presencialmente de palestras e entrevistas coletivas com especialistas, que acontecem sempre aos sábados, seguidas de produção de textos. O curso alia a prática reflexiva da cobertura jornalística com o conhecimento teórico de alguns temas de direitos humanos. A coordenação pedagógica será dos professores e jornalistas Marcelo Soares e Sergio Gomes.

>> Inscreva-se aqui.

O encontro de seleção será realizado às 9h do dia 11 de agosto, sábado, no Auditório Vladimir Herzog no Sindicato dos Jornalistas de São Paulo (Rua Rego Freitas, 530, sobreloja – Vila Buarque – São Paulo/SP).

Além de assistir a uma palestra introdutória sobre direitos humanos com Leonardo Medeiros – coordenador de Comunicação e Engajamento da Conectas, os candidatos realizarão um teste escrito presencial. A lista com os 20 estudantes selecionados será publicada no dia 23 de agosto nos sites das instituições realizadoras.

Nesta quinta edição, os estudantes participarão de palestras e entrevistas coletivas temáticas o papel do Brasil na esfera internacional, sobre a realidade do sistema carcerário brasileiro, violações provocadas por empresas e migrações.

Metodologia

A estrutura do curso mantém o modelo adotado no Projeto Repórter do Futuro desde a sua criação em 1994: a cada encontro, realizados aos sábados, os 20 estudantes selecionados assistem a uma palestra de cerca de 40 minutos com um convidado e participam de conferência de imprensa. Na sequência, os estudantes deverão redigir um texto noticioso sobre o tema da palestra.

Serão oferecidos, atendimentos semanais individuais com jornalistas e professores com o objetivo de prestar orientação textual e jornalística personalizada a cada aluno.

A Reembolsa

A prova de seleção é gratuita e o curso tem um valor de R$ 954,00 (um salário mínimo vigente). No ato da matrícula, os estudantes selecionados deverão entregar um cheque caução no valor do curso e assinar o Pacto de Reembolsa.

De acordo com as regras do curso, o cheque não será descontado e, se cumpridas integralmente as metas propostas, a OBORÉ concede uma bolsa de 100% representada na devolução do cheque (Reembolsa) ao final do curso: 1) Participar de todos os encontros e ser pontual; 2) redigir um texto jornalístico ao final de cada encontro; 3) Agendar e comparecer a um atendimento individual com a coordenação pedagógica do curso; 4) Publicar um texto jornalístico sobre o tema em veículo com editor responsável.

O não cumprimento de qualquer um dos requisitos implica no pagamento integral do curso.

Programação

11/8, 9h às 13h | Encontro Confraternização e Seleção

O que são direitos humanos e o que o jornalismo tem a ver com isso?

Leonardo Medeiros, coordenador de Comunicação e Engajamento da Conectas

Jornalista com especialização em comunicação científica, médica e ambiental pela Universidade Pompeu Fabra (2009), de Barcelona. Atuou como repórter no portal Zip.Net, TV USP e Folha Online. Também tem experiência em relações públicas, especialmente no relacionamento com imprensa e no desenvolvimento de programas de media training e gestão de crises de imagem. Foi coordenador de comunicação do Greenpeace Brasil e coordenador de comunicação para América Latina da World Animal Protection.

23/8 | Anúncio dos selecionados

1/9 | 9h às 14h – Jornalismo, hoje: reflexões e práticas

Marcelo Soares, coordenador pedagógico do curso

Jornalista, professor e especialista em análise de dados. Um dos primeiros repórteres brasileiros a trabalhar com “RAC – Reportagem com o Auxílio do Computador”, hoje conhecido como Jornalismo de Dados e, na Folha de S. Paulo, o primeiro editor de desenvolvimento de audiência da imprensa brasileira. Desde 2016 presta consultoria e cursos sobre análise de audiência e análise de dados. Para conhecer seu trabalho: www.intelitexto.com.

15/9 | 9h às 14h – Sistemas ONU e OEA

Jefferson Nascimento

Assessor do programa de Desenvolvimento e Direitos Socioambientais. Doutor em Direito Internacional pela Universidade de São Paulo (2017). Graduado em Direito pela Faculdade de Direito da USP (2005). Advogado, com experiência nos sistemas global e regional de proteção de direitos humanos e litígio em casos de violações de direitos humanos por empresas

22/9 | 9h às 14h – Sistema prisional brasileiro

Marcos Fuchs

Diretor Adjunto da Conectas. Foi um dos líderes na introdução da cultura pro bono no Brasil e atualmente fomenta este ideal em países da América do Sul. Participou das discussões sobre a resolução Pro Bono aprovada pela OAB/SP em agosto de 2002. Proferiu inúmeras palestras em Universidades e em Associações de Advogados. É autor do caderno expandindo acesso à Justiça, publicado pelo Centro de Vítimas de Tortura da organização New Tactics in Human Rights. Exerceu de forma voluntária a direção administrativa do canal comunitário da OAB/SP (2004/2005).

29/9 | 9h às 14h – Impacto de grandes obras

Julia Cortez da Cunha Cruz

Formada em direito pela Universidade de São Paulo, e possui mestrado pela Universidade de Harvard e também na USP, em Direito Internacional. Na Conectas, trabalha na área de Desenvolvimento e Direitos Socioambientais, por meio de fellowship financiada pelo Harvard Public Service Venture Fund. Já trabalhou no Centro de Direitos Humanos e Empresas (FGV), na Organização dos Estados Americanos e no Centro Gaspar Garcia de Direitos Humanos.

20/10 | 9h às 14h – Migração

Camila Asano

Coordenadora de programas da Conectas. Internacionalista e mestre em Ciência Política pela USP. Atualmente, também está sob sua responsabilidade a coordenação do Programa Espaço Democrático e a atuação internacional da Conectas. É conselheira do Conselho Nacional de Direitos Humanos e do Conselho Municipal de Políticas para Migrantes da cidade de São Paulo. É também Secretária Executiva do Comitê Brasileiro de Direitos Humanos e Política Externa. Ocupa um assento no Conselho da Centre for Civil and Political Rights com sede em Genebra (Suíça) e no Conselho de Orientação do Gacint do Grupo de Análise da Conjuntura Internacional da USP. É professora de Relações Internacionais na FAAP em São Paulo desde 2010.

10/11 | 9h às 14h

Encontro de Confraternização e Encerramento

Avaliação do curso pelos e equipe de coordenação e entrega de certificados

Facebook Comments

Lile Corrêa

Jornalista, Radialista e Recordista Bi-Mundial incluso no Guinness Book