Jornalista é ameaçado no interior paulista por reportagem sobre atropelamento

veiculo
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram
Share on print
Share on whatsapp

Jornalista é ameaçado no interior paulista por reportagem sobre atropelamento

Uma matéria sobre um atropelamento cometido por Ricardo Orsini, secretário adjunto da secretaria de serviços urbanos da prefeitura de Ribeirão Pires (SP), levou a ameaças de morte contra o jornalista Rafael Ventura e colegas do site Diário de Ribeirão Pires.
Conhecida como “Zé do bigode”, a vítima do atropelamento morreu. A reportagem de Ventura informa que o “alto escalão” da prefeitura tentou esconder a ocorrência e que, no momento do atropelamento, Orsini dirigia um veículo oficial da administração municipal de Ribeirão Pires.
Crédito: Reprodução Diário de Ribeirão Pires
Veículo envolvido no atropelamento que resultou em ameça de morte ao jornalista Rafael Ventura
Segundo o jornalista, a publicação de uma matéria sobre a falta de uso de máscaras em ambientes públicos da cidade também resultou em ameaça de morte, desta vez via Facebook. O perfil de Vitor Hugo Polizel Dias (provavelmente fake) ameaçou “dar um tiro na testa” do jornalista.
O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo e a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) emitiram nota se solidarizando com o jornalista e conclamando “as autoridades a apurarem os fatos e descobrir o responsável pela ameaça”. O jornalista fez Boletim de Ocorrência no dia 20 de maio.