Jornalista investigativa é baleada em Montenegro

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on print

O editor-chefe do site do jornal Visjesti, Mihailo Jovovic, disse acreditar que a repórter sofreu retaliação por seu trabalho. “Por quanto tempo mais isso vai acontecer? Muitas das matérias que ela escreveu não foram investigadas pelas autoridades. Por quanto tempo mais devemos viver amedrontados como covardes?”, questionou.

Foi o segundo atentado contra um jornalista em um mês, o que gerou comunicados em tom de preocupação da embaixada dos Estados Unidos e de um representante da União Europeia no país – Montenegro tenta cumprir requisitos para ingressar no bloco continental em 2025. Nos últimos 15 anos, 12 atentados contra jornalistas montenegrinos foram registrados.