Jornalista premiada é presa nas Filipinas

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on print

Redação Portal Imprensa*

A jornalista filipina Maria Ressa foi detida nesta sexta-feira (29). Opositora ao governo do presidente Rodrigo Duterte, ela foi acusada de fraude e presa quando desembarcava no aeroporto de Manila, capital do país.

Entidades que defendem a liberdade de imprensa informam que as acusações são uma represália contra a profissional. Esta é a segunda vez que a jornalista é presa este ano.

Eleita uma das Personalidades do Ano de 2018 pela revista Time, Maria trabalha no site Rappler e ganhou notoriedade internacional após uma reportagem investigativa sobre os reflexos sociais do tráfico de drogas em seu país.

Maria deve pagar a fiança estipulada de US$ 1,7 mil e ser posta em liberdade ainda hoje. O Rappler publicou um vídeo do momento da detenção, veja abaixo: