Karatecas brasileiros conquistam vice campeonato em competição no Peru - CLUBE DE IMPRENSA

Karatecas brasileiros conquistam vice campeonato em competição no Peru

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram
Share on print
Share on whatsapp

Karatecas brasileiros conquistam vice campeonato em competição no Peru

Os atletas do projeto Forma-se um Campeão, Rodrigo Azevedo de Souza, faixa preta 2° Dan, Caroline Azevedo de Souza, faixa preta primeiro Dan, estudante do Colégio Militar de Brasília , Isadora Quintana, faixa azul e Isis Martins, faixa vermelha representaram o Brasil no Campeonato Internacional de Artes Marciais/Open Mundial realizado em Lima no Peru de 17 a 20 de novembro de 2016.

O Professor Roosevelt Barbosa, Sargento do Exército Brasileiro foi Técnico da Seleção brasileira juntamente com os professores Domingues Rodrigues e Paulo Roberto de Brasília e Yoakan de Aracaju. A organização do evento esteve à cargo do professor Carlos Arce do Peru.

A classificação dos atletas do Projeto Forma-se um Campeão foi a seguinte: Rodrigo Azevedo, 2° lugar em kata individual, 2°lugar em luta point figth, 3° lugar em kata em dupla e terceiro lugar em kata em equipe.

Caroline Azevedo, 2°lugar em kata individual, 2° lugar em kata em dupla feminino, 3° lugar em kata em equipe e 3° lugar em kata em dupla mista.

Isis Ramon, 1° lugar em kata individual, 2° lugar em kumite, 2° lugar em kata em dupla feminino até 14 anos

Isadora Quintana, 1° lugar em kata e 2° lugar em kata em dupla.

A delegação brasileira foi composta por 26 atletas de todo o Brasil sagrando se vice campeão da competição.

A classificação final ficou em 1º lugar Peru, 2º Brasil, 3º Chile, 4º Equador, 5º México, 6º Uruguai, 7º  Argentina e 8º Guatemala.

O professor Roosevelt Couto, faixa preta 6º Dan fez agradecimento “a todos pelo apoio prestado a mim e a meus filhos para que pudéssemos participar do campeonato internacional de artes marciais/open mundial realizado em Lima, no Peru. Toda delegação brasileira conquistou medalhas. Sem a doação de vocês nada disso sério possível. Muito obrigado”.