Milagre de Natal: desconhecido salva bebê doando parte do fígado

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on print

Bebê recebeu fígado de estranho - Foto: CBS

Bebê recebeu fígado de estranho – Foto: CBS

O Natal é a data conhecida por unir famílias e materializar o carinho que as pessoas sentem umas pelas outras por meio de presentes e reuniões de confraternização. Mas tem presentes que não podem ser comprados, como este:

Chad e Aileen Cooper receberam de um estranho, que estava a milhares de quilômetros de distância, a doação de parte do fígado dele para salva o bebê do casal.

Michael Speck, de 64 anos, apareceu do nada para se tornar a pessoa que forneceria o fígado que o pequeno Jacob Cooper, de 10 meses, tanto precisava. A criança nasceu com atresia biliar, uma doença rara das vias biliares e precisava de um transplante urgente de fígado para sobreviver.

Os pais nunca imaginaram que a doação do fígado viria de um estranho que morava a mais de 3.000 quilômetros da Califórnia (EUA), mostrando que a distância não importa quando a intenção é boa.

Antes da aparição milagrosa de Michael Speck, a saúde do pequeno Jacob Cooper estava piorando e se tornava mais preocupante.

“Ele estava ficando cada vez mais doente e foi hospitalizado com uma infecção antes do transplante, estava gravemente doente”, disse o Dr. Yuri Genyk, que trabalha no Hospital Infantil de Los Angeles, onde o bebê foi operado.

O doador

O pai, Chad, rapidamente se ofereceu para ser doador, mas nem ele, nem Aileen eram doadores adequados para o filho. Até que surgiu Michael Speck, de 64 anos, vindo de Ohio pra ser o salvador.

“O cirurgião me disse que era um bebê de 10 meses e quando fiquei sabendo disso, comecei a chorar. Tem tanta gente que pode fazer o mesmo que eu”, afirmou Michael, o doador, à rede CBS.

Michael é um doador regular de órgãos. Anos antes, ele já havia doado um rim a um ministro. Ele é uma pessoa que, com seus anos e suas experiências, aprendeu a valorizar a vida.

Pai e avô, ele entende toda a preocupação e amor de Chad e Aileen por seu filho.

Eles se conheceram através de uma reunião via Zoom e todos agradeceram mutuamente pela oportunidade.

Bebê com o médico - Foto: Ska-P
Bebê com o médico – Foto: Ska-P
Médico, bebê e mãe - Foto: Ska-P
Médico, bebê e mãe – Foto: Ska-P
Reunião das famílias pelo Zoom - Foto: CBS
Reunião das famílias pelo Zoom – Foto: CBS

Rinaldo de Oliveira SNB com informações de UPSOCL