No MS, radialista diz ser vítima de atentado e registra ocorrência na Polícia

Radialista diz ser vítima de atentado e registra ocorrência

Segundo ele, veículo foi atingido por outro carro propositalmente

ALÍRIA ARISTIDES*

O radialista Armando Anache sofreu na madrugada de sexta-feira (27) o que classificou como “atentado”. O veículo do jornalista estava estacionado na frente da emissora de rádio que Anache é proprietário quando foi atingido por um carro que chegou a dar ré para acertar o veículo parado. A colisão foi registrada na Delegacia de Polícia de Aquidauana, cidade onde o caso aconteceu.

Segundo o boletim de ocorrência, o carro atingido sofreu amassados na porta traseira esquerda e paralamas. O veículo em movimento era conduzido por um casal de vizinhos da emissora de rádio. Câmeras de segurança filmaram o momento do ocorrido e as filmagens foram utilizadas para identificar os autores da colisão.

Após a queixa ser prestada pelo jornalista na delegacia, policiais foram à casa dos acusados. No local, foi constatado que o vizinho, de 32 anos, possuía um mandado de prisão em aberto. O homem foi preso e encaminhado à DP de Aquidauana. Ao ser questionada, a mulher de 60 anos que se identificou como proprietária do carro afirmou que bateu no outro veículo ao tentar estacionar.

Através do relato do jornalista, que estava apresentando seu programa de rádio momento em que sua esposa se deparou com o estrago, e das imagens das câmeras de segurança, foi constatado que a batida foi proposital.

Atuando desde 1990 como jornalista investigativo, Anache é famoso por tecer comentários sobre a situação política e criminal no interior do Estado e denunciar casos de corrupção e tráfico de drogas na região da fronteira. Armandinho, como é conhecido entre os locais, afirma que a colisão intencional pode ter motivações políticas. Em ocasiões anteriores, o jornalista e a vizinha já haviam se desentendido devido à posição política da mulher e aos comentários feitos por Anache. Em 2012, o radialista sofreu um atentado no qual sua casa foi atacada com rojões e bombas. Segundo Anache, entre as pessoas que cometeram o atentado anterior estava a vizinha em questão.

Facebook Comments

Lile Corrêa

Jornalista, Radialista e Recordista Bi-Mundial incluso no Guinness Book