Raphael Modesto quer convênio para pacientes realizarem cateterismo no CRE Dr. João Kayatt

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on print

Emissoras Líder FM e Educadora FM 104,9 transmitiram ao vivo a sessão ordinária direto do Centro de Convenções de Ponta Porã 

O presidente da Câmara Municipal de Ponta Porã, Raphael Modesto, apresentou três indicações durante a sessão ordinária desta terça-feira, 22 de junho. O primeiro pedido foi encaminhado ao prefeito, Hélio Peluffo Filho, com cópia ao secretário municipal de Saúde, Dr. Patrick Derzi, solicitando que seja feito um convênio para a realização de procedimentos de cateterismo no Centro Regional de Especialidades Dr. João Kayatt.

De acordo com o vereador, “a presente indicação justifica-se pela necessidade de que os pacientes de Ponta Porã se encontram na fila de espera para realizar o referido exame. Portanto, a realização desse procedimento promoverá inúmeros benefícios para os que precisam, já que encurtará o tempo de espera e acabará com a fila de espera para o atendimento e como consequência acabará também com o deslocamento de pacientes”.

Ortopedista

O vereador Raphael Modesto também solicitou ao prefeito, Hélio Peluffo Filho, e ao secretário municipal de Saúde, Dr. Patrick Derzi, que seja disponibilizado um médico ortopedista especializado em coluna, no Centro Regional de Especialidade Dr. João Kayatt.

“É importante haver um ortopedista especialista em traumas na coluna, no quadro atual de médicos já atuantes no Centro de Especialidades Médicas Dr. João Kayatt, tendo em vista que se trata de um profissional com uma especialidade imprescindível, haja vista que existem muitos pacientes com problemas causados por lesões, acidentes e traumas, entre outros”, explicou o presidente da Casa Legislativa.

Jamil Saldanha Derzi

A terceira indicação realizada pelo presidente da Câmara, Raphael Modesto solicita que seja efetuada um mutirão de limpeza no bairro Jamil Saldanha Derzi e seus arredores. O pedido foi encaminhado ao prefeito, Hélio Peluffo Filho, com cópia ao secretário municipal de Obras e Urbanismo, André Manosso.

“A presente indicação se faz necessária, visto que o mato em volta do bairro está alto, há entulhos, que estão acumulando água podendo ser criadouros do mosquito aedes aegypti. Desta maneira, o mutirão de limpeza visa auxiliar na prevenção de doenças e promover melhores condições de vida daquela comunidade”, concluiu Raphael Modesto.