Paula Mattos vai embalar multidão neste sábado na 43ª Exporã

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on print

“Se o amor bateu na nossa porta, que sorte a nossa”. O refrão simples, de uma composição feita a três mãos foi a grande benção que faltava na carreira da cantora Paula Mattos, 26 anos. Ela vai colocar milhares de brasileiros e paraguaios para dançar na noite deste sábado (04/03) no Parque de Exposição Alcindo Pereira em Ponta Porã.
Paula deixou de lado o banquinho e o violão e apostou em uma pegada mais animada no palco de Campo Grande. O DVD lançado em abril do ano passado foi o responsável por divulgar ainda mais a música “Que sorte a nossa”, disparada nas rádios de todo o Brasil.
“Essa música é de autoria minha e dos meus parceiros Luiz Henrique e Fernando. O Fernando veio a falecer dois meses antes da gravação do meu DVD, no mês de fevereiro. Ele ia participar, mas já vinha lutando contra a leucemia há um tempo e veio a falecer. A última música que ele fez foi essa, que além de ser muito bonita, tem essa magia que eu falo do Fer. Por isso deixei a segunda voz em homenagem a ele e a família dele”, conta.
Apesar de ser cantora desde os 15 anos, Paula construiu o início da carreira como compositora de grandes músicos do sertanejo atual. Basta uma olhada nas redes sociais da artista para ver a coleção de fotos com famosos, no currículo músicas na voz da dupla Thaeme e Thiago, por exemplo.